Quando um Cão se torna idoso?

Nos últimos 10 anos, a expectativa de vida dos animais de companhia aumentou no mínimo 20%. Atualmente, a expectativa de vida dos cães gira, em média, em torno de 11 anos, embora existam diferenças significativas entre as raças.

O porte é um parâmetro importante

Quanto menor o cão, maior a expectativa de vida. Em cães de porte grande (25-45 kg) e gigante (> 45 kg), o processo de envelhecimento começa mais cedo. Um cão de porte gigante atinge o período geriátrico (último quarto de sua expectativa de vida) ao redor de 7-8 anos de idade. Para um cão de pequeno porte (< 10 kg), o início do período geriátrico não ocorre até que ele tenha 11-12 anos de idade.

Quais são os sinais do envelhecimento?

Do ponto de vista do proprietário, um cão idoso é aquele que tem pelos grisalhos, não gosta mais de brincar ou correr e ainda se mostra intolerante ao calor, entre outras alterações. Você também pode notar que seu cão não enxerga e nem ouve tão bem quanto antes, além de ter perdido o olfato. Os olhos também podem perder a transparência por causa do desenvolvimento de cataratas. Além disso, o exame físico pode revelar perda muscular.

Não espere até que esses sinais apareçam para ajudar seu cão.  O processo de envelhecimento é um fenômeno gradativo que começa cedo na vida do cão. Se você tratar seu cão como um animal idoso assim que ele chegar à metade de sua expectativa de vida, será possível prolongar a expectativa de vida e melhorar o bem-estar de seu animal de estimação.

Peça para o Veterinário realizar um check-up anual completo. Isso ajudará a detectar problemas potenciais, para que você possa tratá-los antes que eles se agravem.

Os antioxidantes podem ajudar a neutralizar os efeitos dos radicais livres em cães idosos

Quanto mais idoso for o cão, menos capaz ele será de reagir contra o ataque de radicais livres — moléculas responsáveis por muitas doenças degenerativas. A nutrição pode desempenhar um papel importante na melhoria das defesas naturais de seu cão.

As dietas para cães em processo de envelhecimento geralmente contêm uma proporção mais alta de antioxidantes. Inúmeros estudos demonstram que o aumento nos níveis de antioxidantes naturais na dieta pode ser extremamente benéfico para cães idosos. O aumento no consumo de vitamina E, betacaroteno, luteína, flavonóis, etc. pode ajudar o animal a se manter saudável.

Os nutrientes que podem retardar o processo de envelhecimento serão mais eficazes se eles fizerem parte da dieta do cão desde cedo.

Mantenha seu cão em um peso corporal ideal

A obesidade é um fator de risco para o estresse oxidativo. Ao manter seu cão em boa forma, você limitará o impacto exercido pelos radicais livres sobre o organismo.